Plataforma AgTech Brasil será o ponto de encontro entre os agentes dos ecossistemas nacionais

Crédito: Edilon Carmo

Via: AGRIHUB
Fonte:Ascom Famato

O Programa AgriHub agora faz parte da Plataforma AgTech Brasil (agtechbrasil.com), cujo objetivo é criar um ambiente único de interação entre os ecossistemas de inovação em agricultura e pecuária no Brasil. A iniciativa é uma parceria entre a AgTech Valley, do Vale de Piracicaba-SP, a SRP Valley, de Londrina-PR, e o programa AgriHub, de Mato Grosso.

A plataforma também visa incentivar e acelerar a criação de negócios, validação de tecnologias e investimentos, através da integração de todo o ecossistema de inovação, abrindo oportunidades de conexões para o desenvolvimento de soluções aplicadas aos problemas do Agro.

Segundo o superintendente do Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea) e head do programa AgriHub, Daniel Latorraca, a plataforma está disponível para investidores, empreendedores e startups. “A Agtech Brasil reúne todo o ecossistema do agronegócio e de AgTechs brasileiras. A plataforma permite o compartilhamento de networking, experiências e novidade do agronegócio brasileiro e do mundo”, explica Latorraca.

Conforme o gerente executivo da incubadora EsalqTec, Sérgio Marcus Barbosa, a AgTech Valley Vale do Piracicaba iniciou há dois anos uma campanha para reconhecer o município de Piracicaba como um polo tecnológico de agronegócio. Piracicaba concentra 38% das startups voltadas ao desenvolvimento do agronegócio no estado de São Paulo e 18,6% do país, segundo dados do 1º Censo AgTech de Startups.

A plataforma online foi lançada dia 13 de abril em Londrina-PR e apresentada no evento Summit AgriHub, que reuniu 500 pessoas em Cuiabá-MT nos dias 18 e 19 de abril em Cuiabá-MT para discutir tecnologias para o campo.

Para fazer o cadastro, abasta acessar o site agtechbrasil.com e preencher as informações solicitadas.

AgriHub – É um programa desenvolvido pelo Sistema Famato com o objetivo identificar os problemas dos produtores rurais e conectá-los a startups, mentores, empresas de tecnologia, pesquisadores e investidores para desenvolver soluções e promover o melhor ajuste de tecnologias ao campo. Mais informações no site: agrihub.org.br.

Add a Comment