9ª edição do Prêmio Empreendetec homenageia Raízen e Wilson Guidotti Júnior

Wilson Guidotti Júnior e Daniel Gomes Dosualdo (Raízen). (Crédito: Helio Graça)


A empresa Raízen e o empresário Wilson Guidotti Júnior, foram os vencedores do Prêmio Empreendetec 2018. O evento, realizado na noite de 09 de Outubro, no Parque Tecnológico de Piracicaba, tem o intuito de enaltecer o trabalho de profissionais e instituições de destaque responsáveis por inovações tecnológicas sustentáveis. A cerimonia de graduação das ex-incubadas @Tech e Somo agro também fizeram parte das atrações da noite.

“É uma responsabilidade muito grande você receber um prêmio de empreendedor em uma crise dessas, é algo sensacional. Eu estou muito orgulhoso, muito feliz, esse prêmio me da um novo combustível, um maior comprometimento e mostra que estamos fazendo a coisa certa, estamos no caminho certo” diz Wilson Guidotti Júnior, vencedor do Prêmio Empreendetec na categoria profissional.

Na presença de um público de aproximadamente 150 pessoas, entre elas, docentes da ESALQ/Usp, parceiros, representantes de startups, amigos e familiares, Daniel Gomes Dosualdo, Gerente de Sistemas da Raízen, Tiago Albertini, CEO da @Tech e Mark Spekken, CEO da Somo Agro, apresentarem em forma de pitch o modo como as empresas trabalham e as soluções que desenvolvem.

Os troféus foram entregues na categoria empresa pelo Prof. Luiz Gustavo Nússio, diretor da ESALQ/Usp e na categoria profissional pelo Prof. Rubens Angulo, já os certificados de graduação, foram dados por docentes que estiveram presente na caminhada e crescimento das startups. Demais instituições da cidade também foram homenageadas ante aos serviços e trabalhos oferecidos à população.

Para o Prof. Sergio Pascholati, presidente do conselho deliberativo da ESALQTec, eventos como esse servem como estímulo para jovens universitários que possuem o sonho de iniciar um negócio e também para pessoas mais experientes, que buscam arriscar e inovar, além de ser fundamental para o ambiente da 61ª Semana Luiz de Queiroz. “Acho muito importante por parte da Universidade, através da incubadora, disciplina de professores, estimularem os alunos ao empreendedorismo, e outro aspecto interessante é a graduação das startups, a evolução das mesmas, as quais iniciaram do zero e hoje estão recebendo seu diploma de graduados com 30 funcionários, é bacana para se espelhar”, diz.

 

Texto: Equipe ESALQTec

Add a Comment