Startups @Tech e Somo Agro irão se graduar no Prêmio Empreendetec 2018

Aplicativo BeefTrader produz dados específicos para cada bovino. (Crédito: @Tech Inovações para a Agropecuária)

A conversa com o gerente-executivo da Incubadora, Sergio Marcus Barbosa, é o ponto inicial do sucesso de muitas empresas que passam pela ESALQTec. Conversa na qual é discutida a ideia, o produto e as melhores maneiras de se iniciar e investir no negócio. Foi o que aconteceu com Mark Spekken, da Somo Agro, e Tiago Albertini, da @Tech. Estas empresas iniciaram a vida como Residentes na incubadora, entre 2015 e 2018. A Sessão Solene da tradicional Graduação irá ocorrer na nona edição do Prêmio Empreendetec, em 9 de outubro.

Segundo Mark, neste primeiro contato com a Incubadora, em dezembro de 2014, sem entender absolutamente nada em termos de empresa, foi apresentado a ele a ideia de submeter seu projeto, o qual era relacionado com sua área de estudos na pós-graduação, na ESALQ/USP, no PIPE (Pesquisa Inovativa em Pequenas Empresas) da FAPESP (Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo), e após ser agraciado com o recurso da Fase 1, pode se estabilizar e desenvolver o protótipo de seu primeiro produto comercial, o Inforow.

“Em todas as áreas em que precisei de incentivo, seja por espaço, orientação, entre outros, tudo consegui com a ESALQTec. Eu estaria perdido, sem saber por onde começar, e neste tempo incubado, eu pude checar, observar, ver se estava tomando o rumo certo, ver se o que eu estava desenvolvendo era realmente o que o mercado precisava; foi imprescindível para que eu chegasse a conclusão de que possuía um produto viável, um serviço viável”, relata Mark Spekken, cofundador da Somo Agro.

Atualmente, a startup desenvolve sistemas de informação na área agrícola com foco específico em análise de geoinformação, realizando a verificação em talhões de cana de açúcar, voltados para a agricultura de precisão. A empresa identifica a condição da vegetação em determinada área, auxiliando na operação de máquinas, reconhecendo problemas, como falhas de plantio, ataques de pragas e doenças, entre outros. São sistemas que facilitam uma rápida análise de informações espaciais, utilizando de indicadores de impacto de áreas.

O produto comercializado pela startup no momento é o Inforow, Software que analisa imagens feitas por drones, das quais são obtidas informações sobre a cultura da vegetação na velocidade com a qual as empresas clientes adquirem dados. Ao todo, aproximadamente vinte empresas possuem a licença do produto, entre elas Raízen, Grupo Tereos e Grupo São Martinho. Para um breve futuro, a Somo Agro está trabalhando em um novo produto o qual servirá para planejamento de operações de tráfego de maquinas em talhões, visando estabelecer percursos e trajetos eficientes, trazendo maior economia ao custo de mecanização canavieiro.

Já a startup @Tech, produtora de tecnologias e inovações para a agropecuária de precisão, está atualmente no mercado com o BeefTrader, plataforma de inteligência que auxilia o produtor na tomada de decisão e também, monitora o crescimento do animal, identificando o melhor momento para que este seja comercializado.

A solução produz uma curva de nível individual para cada animal, os quais são monitorados em seus confinamentos ou frigoríficos. Através de câmeras e balanças inteligentes, a plataforma disponibiliza ao produtor, imagens do bovino, peso, além de informações referentes à fazenda e também ao mercado, como por exemplo, a composição da dieta e descontos no frigorífico. A plataforma analisa todas as informações coletadas em determinado tempo de crescimento do animal, comparadas a dados do mercado, exibindo ao produtor o melhor momento para a venda do animal e qual o frigorífico mais lucrativo para fazê-la.

“A EsalqTec foi essencial para o crescimento e estruturação da empresa. Além da importância de ter um espaço físico, nos auxiliou com um direcionamento no planejamento e atuação dos projetos e apoio jurídico para os contratos e negociações da empresa. Também possibilitou a criação de uma rede de contatos, parceiros, visibilidade e relacionamento com outras startups, que são fundamentais para todos os empreendedores e aumentam possibilidade de sucesso nos negócios. Ressalto a importância da EsalqTec ser uma ponte entre academia e mercado, atuando na preparação de pesquisadores em profissionais de business, que saem preparados para serem líderes empresariais”, diz Tiago Albertini, cofundador da @Tech.

Para o futuro, a empresa pretende investir e desenvolver soluções na área genômica, saúde animal e conexão dos elos da cadeia produtiva, principalmente na pecuária.

“ A graduação de uma empresa Residente é sem dúvida o nosso melhor momento. É a oportunidade de prestarmos contas à sociedade, que investe no nosso programa, oferecendo a esta inovações tecnológicas, de alto valor agregado, que irão contribuir ao agronegócio brasileiro. Também a satisfação de ter participado na realização de um sonho do empreendedor. Este sonho materializado irá gerar riqueza e postos de trabalho, retornando para a sociedade tributos e geração de renda. A @Tech e Somo Agro já estão posicionadas como empresas de grande potencial no mercado. Desejo a eles que continuem nesta vertente de sucesso e contribuição para o produtor rural brasileiro”, diz Sergio Marcus Barbosa, gerente-executivo da Incubadora.

Texto: Comunicação ESALQTec

Add a Comment